Rotinas do Escritório de Advocacia

O Ambiente de Trabalho

Preliminarmente é preciso considerar que o escritório de advocacia é local de atendimento aos clientes, reuniões profissionais, consultas e pareceres, produção de trabalhos técnicos e realização de serviços jurídicos e análogos. Neste ambiente exige-se seriedade, urbanidade e uma forma especial de tratar colegas de trabalho, advogados, clientes e outros operadores do direito.

A Organização do Trabalho

O escritório de advocacia geralmente é composto por secretária ou assistente jurídico, estagiários e advogados, podendo haver organizações de trabalho mais simples (escritório individual) ou mais complexas (bancas de advogados). Observa-se que quanto maior a estrutura dos escritórios mais especializadas se tornam as funções dos seus membros (ex: advogado especializados em atuação na audiência, atendimento, serviços internos).

A Postura e Comportamento

Os operadores do direito devem se portar de forma séria, sóbria e formal, nas comunicações verbais, e escritas (uso correto do português). Devem se vestir de maneira condizente com o ambiente (estilo preferencialmente social). Tal postura visa atender as expectativas dos clientes, valorizar os colegas de trabalho e o serviço desenvolvido.

Tratamento dos Colegas, Clientes e Profissionais

Espera-se que o assistente jurídico trate colegas com seriedade, educação e urbanidade.

Convencionou-se no meio jurídico chamar de Dr. ou Dra. os operadores do direito. No meio jurídico a expressão “Doutor” e “Doutora” não significa título acadêmico ou doutorado, mas apenas uma forma de respeito e valorização dos colegas de trabalho. Assim, recomenda-se que os operadores do direito sejam chamados por Dr. ou Dra.

Os clientes devem sempre se tratados com urbanidade e educação, discrição, preservando sempre sua privacidade e conforto. Os clientes devem ser chamados por “senhor” ou “senhora” sempre.

Atendimento pelo Telefone

Inicialmente, deve-se identificar, o escritório e abrir a conversação com o cliente. Ex: “Advogados Associados, bom dia! … Carlos, em que posso ajuda-lo, Sr.(a)?”. A linguagem deve ser formal, sem uso de gírias, devendo sempre o nome do cliente ser anotado, telefone e recado. A atenção e concentração devem ser totalmente voltadas para o cliente, evitando-se conversas paralelas ou qualquer espécie de distração que possa comprometer a atenção dada ao cliente.

intimidade e privacidade das partes.

Entenda mais sobre a Rotina da Advocacia e Processo

– Entendendo o Processo

– Acesso às Informações de Processos

– Pesquisando e Consultando Processos Judiciais

– Notas de Expediente e Andamentos Processuais

– Atendimento Jurídico – Escritório de Advocacia

Sobre Hugo Meira

Advogado e Professor no Norte de Minas Gerais, especialista em Direito Público, em Metodologia e Didática do Ensino Superior.

Obrigado pela Visita. Não deixe de ler nossos outros artigos